sexta-feira, 8 de abril de 2011

Se deus quiser

Se Deus quiser, tudo vai dar certo”; “Se Deus quiser, vou conseguir vender mais”; Se Deus quiser, as coisas vão melhorar”. Toda vez que escuto alguém dizer “se Deus quiser” eu fico preocupado. Imagino que aquela pessoa está ao “Deus dará”. Não fez nenhum planejamento, não tem nem ideia do seu potencial de execução e ainda coloca o “Todo Poderoso” para tomar as decisões.




Você acredita que Deus, quando acorda pela manhã, decide quem vai levar a pior até o final do dia? Eu não acredito! Imagino que você também não acredite nisto. Então por que acreditar que Ele vai escolher alguém para se dar bem?

“Se Deus quiser”, pra mim, tem a mesma conotação de “Deus dará”. Não sou especialista em teologia, nem conhecedor de religião. Mas nem por isso, deixo de ter minha fé e acreditar que o ser humano tem um potencial fantástico. A fé remove montanhas! A montanha pode ser um obstáculo para ver o que tem adiante; Montanha de serviço significa ter muito serviço; Montanha de coisas a fazer significa que a pessoa planejou, mas está com dificuldades em executar. Planejamento sem execução não é nada. Planejamento sem execução é o mesmo que fazer uma oração e esperar que Deus faça o resto. Antes de remover a montanha peça autorização do IEF, do Ibama e arrume uma caçamba bem grande.




A pop star adolescente Miley Cyrus canta uma música em que a letra é um contra-ponto do que acabei de escrever. Em uma tradução livre: Não importa o tamanho da montanha, nem se chegarei lá em cima rapidamente, nem o que me espera do outro lado. O que importa é a escalada (The climb). Não deixa de ser uma possibilidade. Por que remover todas as montanhas? Podemos escalar. Desejamos o sucesso, desejamos que as coisas melhorem sempre. Mas se não melhorar, a escalada poderá ser um aprendizado, a escalada nos fortalecerá os músculos para montanhas maiores. Sempre haverá novas montanhas.



Somente quando perceber que as coisas em sua vida, em sua empresa ou no seu casamento acontecem em função de suas escolhas e não por decisão da Providência Divina, você terá a sabedoria de distiguir o que pode e o que não pode te levar ao sucesso e a felicidade.



Na próxima vez que ouvir um “Se Deus quiser”, lembre-se, Deus sempre quer, mas você precisa fazer sua parte.

3 comentários:

Dionis Maikon disse...

Esse texto serviu pra mim... incrível..

Marcelo disse...

É muito facil reclamar da vida e das escolhas que nela fazemos, é fato que destino existe, assim como é fato que podemos sim muda lo para que possamos alcalçar aquilo que almejamos. Deus está conosco sempre, nos orientando nos protejendo, nos guiando, porém temos que fazer nossa parte,ir a luta,buscar nossos objetivos, nossas conquistas, não se lamentar por aquilo que não temos, mas sim usar isso como alavanca para correr ao encontro do que acreditamos...
O fato é, tudo o que acontece em nossa vida, são consequencia de nossas escolhas, nós somos os únicos responsáveis pelo sucesso ou fracasso, e dessa forma temos que saber a lidar com as frustações decorrentes dessas escolhas, ou não ter medo de virar o jogo e tentar de alguma forma buscar ser feliz....


Marcelo Viola

Ginê disse...

Estou tentando... Faço o possível, mas um ajudinha não me cairia tão mal assim. rs...

Achei teu blog através da Sil, gostei dos textos... Parabéns!

Abraço